Como comprar seu colchão pela internet?Confira dicas

Escolher e comprar um colchão pela internet pode despertar uma série de dúvidas aos que ainda não vivenciaram este processo. Com tantas opções disponíveis e sem poder testar a estrutura antes de tomar essa decisão, algumas pessoas podem ter um certo receio sobre qual seria a opção ideal. De acordo com Vanessa Ferraz, especialista da BF Colchões, e Marcelo Katayama, maior blogueiro imparcial de colchões do Brasil, seguir algumas dicas simples de como comprar seu colchão pela internet pode facilitar bastante essa jornada.

Reputação da marca

Segundo Katayama, um dos primeiros pontos a serem avaliados diz respeito à reputação da marca. Embora todas as empresas possam apresentar falhas e contratempos, analisar a maneira como os erros são tratados é a principal questão.

“Falhas acontecem e algumas marcas podem ter reclamações registradas pelos consumidores. No entanto, se a empresa se mostrar proativa a resolver essas questões, responder às dúvidas e suprir o cliente com as informações necessárias, tudo pode ser resolvido da melhor maneira para ambas as partes. É nesse ponto que podemos ver a transparência e honestidade do vendedor”, salienta o blogueiro, que atuou por 14 anos neste mercado.

Certificado de garantia

Outra dica importante apontada por Katayama está relacionada ao certificado de garantia fornecido sempre pela marca. Segundo ele, o consumidor pode solicitar o termo para leitura, antes de efetuar a compra.

“É comum ocorrer confusão na interpretação sobre garantia e vida útil de seu produto. Algumas pessoas não sabem, mas em termos de limpeza, a maioria dos colchões não podem ser lavados, pois este processo pode prejudicar as estruturas e invalidar a garantia do produto. Os certificados costumam trazer essas informações, bem como orientar sobre outros fatores que possam contribuir para a durabilidade do colchão”, destaca.

Selos de qualidade

Segundo Vanessa Ferraz, especialista da BF Colchões, ao comprar um colchão pela internet, avaliar os selos de certificação de qualidade é extremamente importante. Além do INMETRO, uma certificação obrigatória aos colchões comercializados no Brasil, Vanessa destaca o selo do INER (Instituto Nacional de Estudos do Repouso); uma análise criteriosa, que testa os produtos em diferentes etapas relacionadas à dimensão, densidade, resistência, deformação, entre outras. Atualmente, somente seis fabricantes são homologados sob sua chancela – entre elas, a BF Colchões – em todo o país.

Nomenclatura da estrutura principal

De acordo com Katayama, algumas empresas utilizam termos errados para descrever a estrutura dos colchões comercializados, por isso, é preciso ter atenção ao detalhamento do produto. “A maioria usa o termo colchão de molas, porém, o correto seria colchão com molas. Outro exemplo é o uso do termo colchão de látex, quando o certo seria colchão com látex, já que eles não são compostos exclusivamente por esta matéria-prima. Quando se trata de colchão para casais a atenção tem que ser redobrada, ainda mais se as estaturas e pesos forem diferentes, para que ambos possam ter um conforto adequado para um excelente repouso”, explica.

Nível de conforto

Quanto ao nível de conforto, a especialista da BF Colchões comenta que existem estruturas desde mais macias até as mais firmes, como os ortopédicos, uma escolha que vai depender da necessidade e preferência de cada um. No entanto, segundo ela, o colchão deve garantir o conforto e o relaxamento de várias formas, oferecendo o suporte adequado à coluna, reduzindo os pontos de pressão em áreas como ombros, quadris e joelhos, e isolando os movimentos, no caso dos que dormem com seus parceiros.

“Ao escolher um novo colchão, alguns pontos importantes a serem considerados são o tamanho e o tipo de conforto. Outro fator relevante é a densidade, que quanto mais alta, consegue oferecer um suporte de peso maior. Sabendo do desafio que é este processo de escolha, a BF Colchões tem um canal no YouTube com diversos vídeos explicativos, que podem ajudar aos que têm dúvidas sobre o colchão ideal”, destaca. 

Verifique seu pedido

Ainda sobre o processo de comprar um colchão pela internet, Katayama salienta a importância de verificar o pedido antes de concluí-lo. Devem ser conferidos o tamanho, nome do modelo, data de emissão e data de entrega de forma legível. “Isso evita possíveis atrasos na entrega, tamanhos e modelos diferentes dos que foram escolhidos. Ter o CNPJ e o endereço correto do vendedor no pedido também é importante, caso precise resolver alguma questão ou tenha qualquer contratempo”.

Atenção à nota fiscal

Por fim, mas não menos importante, ter a nota fiscal do produto junto ao pedido e ao certificado de garantia é fundamental, principalmente se o produto apresentar problemas futuramente. Sem esses documentos, o consumidor perde o direito de reclamação, aponta Katayama. “A nota fiscal deve vir com a data de entrega para que o consumidor possa usufruir de todo o período de garantia concedido”, conclui.

Para mais informações sobre a BF Colchões, acesse o site da marca.

Veja também:

Comentários

Colabore com esse conteúdo deixando a sua opinião ou comentário. É muito gratificante para o produtor de conteúdo ter sua interação.